7 alimentos para ajudar na imunidade das gestantes

Gravidez

 

 

O Ministério da Saúde colocou as grávidas e puérperas no grupo de risco para o novo coronavírus. Apesar de não haver estudos suficientes comprovando que essas mulheres seriam mais vulneráveis, o órgão decidiu redobrar a atenção com essa população, como forma de precaução, já que algumas puérperas morreram com Covid-19.

Segundo o Ministério as gestantes e puérperas são mais vulneráveis a infecções e, por isso, estão nos grupos de risco.  Além disso, elas podem ter a imunidade e o sistema respiratório comprometidos principalmente no último trimestre da gravidez e logo após o parto.

Durante o período gestacional, a imunidade da futura mamãe precisa estar reforçada, afinal, um bebê está em desenvolvimento. E neste momento, elas precisam manter as suas defesas fortificadas. Por isso, resolvi falar um pouco sobre alimentos que podem ajudar na imunidade das grávidas.

– Frutas cítricas: Elas são ricas em vitamina C, ajudando no aumento da produção das células de defesa no corpo. Dentre elas estão: Limão, laranja, acerola e tangerina. ⠀

– Cogumelo Shitake: Composto por uma substância chamada lentinana, responsável por auxiliar o sistema imunológico do corpo, prevenindo doenças e infecções.

– Probióticos: Os alimentos probióticos, são compostos por colônias de bactérias benéficas que são ótimas para a saúde intestinal e na absorção de vitaminas e minerais.

– Vegetais verdes-escuros: Ricos em vitaminas A, B12, B6 e metilfolato, estes vegetais também ajudam na manutenção da imunidade. Dentre eles estão: couve, agrião, espinafre e almeirão. ⠀⠀⠀

– Água: Hidratação é essencial afinal, a água é responsável por transportar nutrientes, sais minerais e oxigênio para as células, além de ajudar a liberar toxinas. ⠀⠀⠀

– Alho:  Possui grande quantidade de alicina, além de vitaminas A e C, essenciais para o combate de infecções e o bom funcionamento do sistema imunológico.

– Batata Yacon: Repleta de potássio, vitamina C e frutooligossacarídeos (fibras probióticas), essa batata é excelente para o bom funcionamento da flora intestinal e prevenção do diabetes tipo II.

 

 

Fonte: Dr. Domingos Mantelli – ginecologista e obstetra

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
Olá, como a SM pode te ajudar?